Conecte-se conosco

Internacional

Cida Arruda: “Imigrante Brasileira Enfrenta Dificuldades e Encontra Solidariedade em Fall River”

Publicado

on

Assessoria de Marcony Almeida Barros Deputado Chif Of staff e Cida Arruda - Foto: Reprodução

Uma família de imigrantes brasileiros, buscando uma vida melhor nos Estados Unidos

Cida Arruda com seu filho de colo, passou por três semanas de extrema dificuldade até chegar em Boston e encontrar um apartamento em Fall River, a 1,5 hora de distância do trabalho do chefe da família. Embora o novo lar oferecesse um teto, faltava água quente e móveis essenciais, tornando o dia a dia um verdadeiro desafio. A mãe, sem dominar o inglês, utilizava um dicionário para realizar tarefas básicas, como comprar alimentos e itens essenciais.

Cida Arruda - Foto: Reprodução

Cida Arruda – Foto: Reprodução

Adaptações eram necessárias: a família usava um fogão de acampamento a querosene para aquecer a água e cozinhar, enfrentando o rigor do inverno. Entre os percalços das compras, houve episódios frustrantes, como a compra equivocada de salsichas pensando serem mortadela e comida de gato achando ser patê. Esses incidentes levaram a mãe a optar pelo pão como alimento básico.

A barreira linguística tornou-se ainda mais desafiadora quando precisaram de atendimento médico para o filho e de uma escola para a filha. O medo de errar paralisava a mãe, até que uma visita a uma loja de departamentos mudou tudo. O filho fez amizade com uma menina e, ao ouvir a mãe dela chamá-la em português, a mãe sentiu um alívio imenso. Descobriu que a mulher era sua vizinha e a convidou para sua casa.

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

Ao ver a situação em que a família se encontrava, a vizinha voltou no dia seguinte com todos os itens essenciais para tornar a casa habitável: cama, colchão, lençóis – tudo com a ajuda de suas amigas. A partir desse momento, tornaram-se amigas, e a mãe passou a cuidar da filha da vizinha como babysitter. A generosidade e apoio da nova amiga foram fundamentais: ajudou a ligar a água quente, a conseguir seguro médico e a matricular a filha na escola.

A família morou sete meses em Fall River até que a mãe precisou começar a trabalhar para ajudar o marido, que estava exausto de tanto trabalho. Ela conseguiu um emprego como ajudante de limpeza em Framingham, perto do trabalho dele. Deixou seus filhos com uma babysitter e embarcou na dura realidade da limpeza.

A primeira experiência foi traumática. Sua supervisora jogou pó de Clorox no banheiro que ela havia acabado de limpar e exigiu que o refizesse de joelhos, alegando que essa era a única forma de aprender. Todas as funcionárias trabalhavam de joelhos, usando joelheiras para suportar a dor.

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

Esse foi apenas o início de sua jornada na área de limpeza nos Estados Unidos, marcada por desafios e dificuldades, mas também por encontros que renovaram sua esperança e lhe deram forças para continuar.

Para conhecer a história de sucesso dessa empresária nos Estados Unidos, acompanhe minha coluna semanal, siga também as redes sociais da Palestrante e CEO Cida Arruda no Instagram @cidaarruda e @canalconectandopessoas  Tik Tok @cidasservices  Facebook no Link e no Canal do You Tube @canalconectandoPessoas

Continue Lendo

Internacional

Dra. Gabriela Cardoso: “Aprendemos todos os dias”

Publicado

on

Por

“Estudo hoje e acredito que vou estudar até morrer, pois aprendemos todos os dias”, diz a advogada Dra. Gabriela Cardoso em declaração ao Grupo Pérolas de Rikardo, sua mais nova assessoria. Dra Gabby Cardoso, como é conhecida, é uma figura em ascensão no cenário jurídico, com uma carreira notável que vai além de continentes. Moçambique, na África, é seu país de origem, mas passou sua infância em Portugal, se mudando para o Brasil aos 12 anos.

Dra Gabby - Foto: Reprodução

Dra Gabby – Foto: Reprodução

Possui formações em administração, contabilidade e direito, moldando uma base acadêmica robusta que a permitiu cultivar um relacionamento e compreensão profunda do ambiente empresarial e jurídico. “Estudei tanto para poder compartilhar esse conhecimento com o mundo também”, diz ela. Além disso, é investidora de imóveis e também dá apoio a investidores de imóveis no mercado imobiliário inglês, oferecendo assessoria e consultoria.

Dra Gabby dirige seu próprio escritório de advocacia, o ADV BR UK – Internacional Legal Consulting, especializando-se em direito imigratório, questões empresariais, direito de família, notarial e outros. Sendo assim, possui alguns desafios na profissão e as compartilha em declaração ao Grupo Pérolas de Rikardo. “Os maiores desafios da minha profissão são estar em constante aprendizado já que as leis mudam constantemente e atender o cliente. Não é todo mundo que consegue atender o cliente com humanidade, verificar o caso dele com todo o apreço que deve ter e dar todo o feedback. E isso é uma coisa que fazemos aqui [no escritório ADV BR UK – Internacional Legal Consulting]”, diz ela. O Grupo Pérolas de Rikardo, inclusive, está muito feliz com mais essa parceria de peso e, para quem quer ter visibilidade na Europa, a assessoria é o caminho.

Dra Gabby - Foto: Reprodução

Dra Gabby – Foto: Reprodução

Sendo também uma defensora fervorosa do empoderamento feminino, Dra. Gabriela ocupa o cargo de embaixadora master em um grupo influente de mulheres para negócios da língua portuguesa, onde trabalha para fortalecer a presença e o impacto das mulheres no mundo dos negócios. Além disso, é CEO do Centro de Apoio Luso Brasileiro https://calb.org.uk/, que atende pessoas (em especial mulheres) que sofrem de violência doméstica, cuidando de não apenas assuntos legais, mas também ajuda psicológica e de tradução. O escritório é voltado às pessoas que são vulneráveis no Reino Unido.

Não parando por aí, a profissional é presidente da ISBL – International Society of Brazilian Lawyers https://www.isbl.uk/, uma associação de advogados brasileiros no Reino Unido, ministrando palestras, convenções, promovendo networking e trocas de experiências no meio da advocacia. Todo esse trabalho e dedicação foram reconhecidos quando Dra Gabby ganhou um prêmio no Guia Londres Women Awards e é compartilhado por meio de mentorias através de seu curso “Advogando na Inglaterra na Prática” https://advogandonainglaterra.com.br/oferta/

Dra Gabby - Foto: Reprodução

Dra Gabby – Foto: Reprodução

A profissional pode ser acompanhada por sua conta no Instagram https://www.instagram.com/dra.gabbycardoso/, conta do ADV BR UK – Internacional Legal Consulting https://www.instagram.com/adv.bruk/, site https://advbruk.co.uk/

Continue Lendo

Internacional

Cida Arruda: “A Jornada de Legalização nos EUA: Uma História de Superação e Fé”

Publicado

on

Por

A SEO Cida Arruda ao abrir sua companhia, viu as coisas melhorarem em sua vida

Já estava ganhando o dobro dos seus tão sonhados $400 semanais e não deixava de trabalhar em meio período. Foi quando seu filho já estava no daycare e outro pesadelo começou em sua vida. Não tinha quem buscasse ele na escola, pois trabalhava muito.

Com o tempo, sua filha de 10 anos começou a cuidar dele até às 11 da noite, que era o horário em que ela voltava para casa. Com isso, ele foi para o Preschool, e começou a reclamar para as pessoas, inclusive professoras, que ela não ficava com ele. Eles acionaram o serviço social, que fazia frequentes visitas em sua casa, porque nos EUA não se pode deixar crianças sozinhas.

Ela teve que deixar de trabalhar em meio período e dobrou sua carga horária durante o dia para conseguir pagar as contas, fazendo de 5 a 6 casas por dia em 2 pessoas. Com essa jornada muito tensa, decidiram investir no Brasil, comprando lotes e construindo casas.

Cida Arruda - Foto: Reprodução

Cida Arruda – Foto: Reprodução

Para isso, viviam com o mínimo nos EUA, utilizando o valor do trabalho em meio período e todos os valores a mais eram investidos no Brasil, pensando que retornariam. Chegou a juntar e enviar caixas para lá por cinco vezes, mas nunca conseguiram voltar; isso não era o propósito de Deus.

Quando começou a trabalhar para uma senhora, esta ficou muito doente e contrataram uma enfermeira, mas a senhora não se adaptou a ninguém e queria que ela cuidasse dela. Desejando aprender inglês, decidiu limpar casas em meio período e trabalhar com a senhora no restante do tempo.

Mais uma vez, sua vida começou a mudar. Com o passar dos anos nessa luta de limpeza de casas, cuidado da senhora e dos filhos, decidiram de vez ir embora. Sua filha trabalhava em um supermercado que exigiu documentos e ela não tinha mais como ir para a escola, já que não pegaria o diploma sem documento.

Avisou a senhora que iria embora, e esta perguntou como poderia ajudar. Disse que tinham um processo iniciado em 1999 com a lei do trabalho, mas não tinha um Sponsor para continuar, já que seu marido havia sido demitido do trabalho dele, que estava nesse processo. No outro dia, ao chegar para trabalhar, encontrou a senhora e o marido esperando para conversar.

Cida Arruda - Foto: Reprodução

Cida Arruda – Foto: Reprodução

Ele pediu toda a documentação do processo e a levou, junto com a filha que falava melhor inglês, ao escritório de advocacia da empresa de software dele. O advogado assumiu o caso e o casal arcou com todas as despesas do processo, permitindo que ela se legalizasse nos Estados Unidos. Pagaram tudo.

No dia da entrevista, o advogado os representou e foram aprovados para o Green Card. Após um ano, seu marido e sua filha foram imediatamente para o Brasil. Após a entrevista do Green Card, ele chegou em 9 dias, quando ela foi com o filho para o Brasil. Todo o processo custou $36,000.00.

Quando mostrou o documento ao marido da senhora, ele pediu para ver e perguntou por que ele fez isso por eles. Ele respondeu que ela era uma boa pessoa. Ela não tinha o valor para pagar todo o processo e pediu para ele ir descontando o valor do trabalho pela metade para pagar a dívida.

Ao completar o pagamento de $12,000.00, ele a chamou em seu escritório e disse que a dívida estava paga, pois a via como uma pessoa responsável e boa. Todo o processo de legalização durou 9 anos. Graças a Deus, hoje ela é cidadã americana; o propósito de Deus era que ela ficasse nos EUA.

Continue Lendo

Internacional

Churrascaria Boi Brazil é sucesso na Flórida

Publicado

on

Por

Restaurante brasileiro é um dos mais importantes de Orlando

Faz 11 anos que Nelson Ramos saiu do Brasil para buscar o sonho de vencer nos Estados Unidos. Em 2013, ao desembarcar em Orlando, na Flórida, o empresário conta que o grande desafio era estabelecer uma nova marca no ramo gastronômico americano. Nascia a Churrascaria Boi Brazil Steakhouse.

Em entrevista ao programa do apresentador Amaury Junior, Nelson comentou que a carne brasileira tem excelente aceitação em solo norte-americano, e turistas do mundo inteiro visitam o restaurante quando estão na cidade. De acordo com ele, um ponto fundamental é saber escolher a localização do empreendimento, pois nem sempre o lugar que você decide viver é o mais adequado para montar o seu negócio.

Já os brasileiros que desejam sair do país, o empresário alerta sobre a importância de pesquisar e conhecer a cultura americana. “Esqueçam tudo do Brasil. Recomecem do nada. Aprendam a língua, os costumes, adaptem-se. Abram os braços para a América”, diz.

Ligação com o mundo futebolístico

A boa gastronomia é o carro-chefe de Nelson, mas a churrascaria também possibilita que o cliente conheça uma variedade de peças ligadas ao futebol que estão dentro do estabelecimento. Camisas, bonés e artigos são cuidados com esmero pelos proprietários para evitar a deterioração provocada pelo tempo. “Somos um núcleo de esportes e os times que passam por Orlando sempre nos visitam”, revela o empresário.

Imagem Reprodução

Imagem Reprodução

Personalidades esportivas como a jogadora Marta; os ex-jogadores Cafu e Denílson; jogadores em atividade como Gabigol e Thiago Silva; equipes brasileiras como o Flamengo, Fluminense, São Paulo, Vasco, além do Shakhtar Donestsk, da Ucrânia, já visitaram o local. O Boi Brazil foi destaque ao receber o título de restaurante oficial da Flórida Cup, torneio amistoso de futebol que acontece anualmente em janeiro.

Continue Lendo

Bombou na semana